Dificuldade em fazer sexo? Pode ser disfunção sexual

Dificuldade em fazer sexo? Pode ser disfunção sexual

Você sente dificuldade durante a atividade sexual e não consegue satisfazer seu parceiro na cama? Se a resposta a esta pergunta for sim, então você pode estar sofrendo de disfunção sexual.

Publicado em 12 de maio de 2022

A disfunção sexual é a dificuldade enfrentada por um indivíduo ou casal que os impede de desfrutar da atividade sexual.

Como as pessoas hesitam em discutir seus problemas sexuais umas com as outras, muitas começam a acreditar que não são normais e que seu problema sexual é único ou vergonhoso.

No entanto, isso é apenas um mito

Devido às mudanças no comportamento emocional e psicológico dos homens, a disfunção sexual tornou-se bastante comum nos dias de hoje.

A disfunção sexual pode ocorrer em qualquer fase da vida de uma pessoa. Pode começar cedo ou pode até se desenvolver depois que uma pessoa já experimentou e gostou de fazer sexo.

As causas que originam a disfunção sexual podem ser físicas e psicológicas. Os fatores emocionais incluem certos problemas pessoais, como problemas conjugais/relacionais, falhas de comunicação entre os parceiros ou falta de confiança.

Problemas psicológicos como depressão, medos sexuais ou culpa, etc também causam disfunção sexual. Os viciados em álcool ou drogas também podem enfrentar um problema semelhante. Também é testemunhado por pessoas que sofrem de diabetes e distúrbios neurológicos degenerativos.

Os transtornos de disfunção sexual são geralmente classificados em quatro categorias: transtorno do desejo sexual, transtorno da excitação sexual, transtorno da dor sexual e transtorno do orgasmo.

Uma diminuição na produção de estrogênio (em mulheres) ou testosterona (em homens e mulheres) pode causar um distúrbio de desejo sexual. Outros fatores como idade, gravidez, fadiga ou condições psicológicas também são responsáveis.

  • O distúrbio da excitação sexual em homens pode ser devido à falha parcial ou completa de obter uma ereção do pênis.
  • A diminuição do fluxo sanguíneo, a falta de lubrificação vaginal e a natureza do relacionamento entre os parceiros também contribuem para o colapso da excitação sexual.
  • O distúrbio do orgasmo pode ocorrer tanto em homens quanto em mulheres. Os antidepressivos ISRS são responsáveis ​​por retardar ou eliminar a obtenção do orgasmo.
  • Os distúrbios de dor sexual afetam principalmente as mulheres. Estes são comumente conhecidos como dispareunia e vaginismo. Pode ser causado devido à secura vaginal em mulheres.

Existem vários tratamentos para a disfunção sexual. Como transtorno de excitação sexual é o principal problema enfrentado hoje em dia.

Levitra é considerado a melhor opção para tratar este mau funcionamento. Pode funcionar eficazmente para curar esta doença nos homens.

Bloqueia uma enzima chamado fosfodiesterase-5 e, em seguida, relaxa os músculos do pênis, melhorando assim o fluxo sanguíneo. Por isso, ajuda a ter uma ereção natural.

Qualquer pessoa pode enfrentar uma disfunção sexual em qualquer fase da vida. Não considere isso como algo anormal. Reconheça sua doença no momento certo e tente procurar assistência médica.

Enfrente a impotência com Levitra

A disfunção erétil comumente chamada de impotência geralmente se refere à incapacidade de um homem manter uma ereção completa do pênis. Isso acontece devido a uma quantidade inadequada de fluxo sanguíneo através dos nervos do pênis.

Este é de fato um problema sério, pois afeta sua vida sexual saudável e cria indiferenças entre você e seu parceiro. Pode haver várias razões por trás desse problema e, para citar alguns, as listas podem incluir problemas cardíacos, obesidade, diabetes, depressão e também alguns distúrbios hormonais.

Mas lembre-se que o envelhecimento não é a causa da disfunção erétil, pois a disfunção erétil é curável em qualquer idade.

Com a crescente conscientização, mais homens têm buscado ajuda por meio de medicamentos adequados e são consideravelmente bem sucedidos em ganhar uma vida sexual normal e saudável. Embora um químico possa obter uma longa lista de drogas sexuais, é sempre aconselhável reunir algumas informações prévias sobre o medicamento perfeito.

Levitra é um medicamento que está recebendo respostas positivas em todo o mundo. Verificou-se clinicamente que corrige a disfunção sexual mesmo em um homem que tem fatores de saúde como diabetes, problemas de obesidade, colesterol alto e pressão alta.

Uma substância muito ativa chamada cloridrato de verdenafil em Levitra aumenta a velocidade do fluxo sanguíneo para o pênis, resultando em uma ereção completa.

Geralmente é tomado uma hora antes de realizar a relação sexual, pois leva cerca de 30 a 60 minutos para mostrar seu poder.

Uma ereção completa é desfrutada durante o curso e o efeito permanece por um período de 24 horas. Uma dose por dia é suficiente para o resultado desejado.

No entanto, um sexólogo pode ajudá-lo muito melhor do que qualquer outro. Ele é quem é capaz de prescrever a quantidade de dose necessária dependendo da sua necessidade. Além de usuários iniciantes também experimentam efeitos colaterais leves, como dor de cabeça, nariz entupido, constipação. Portanto, é aconselhável consultar um médico para superar esses efeitos.

Embora existam vários medicamentos disponíveis hoje em dia, Levitra está ganhando muito reconhecimento e resposta positiva também. Realmente funciona e melhora sua vida sexual.