Deixa o seu Comentário ou reposta

Causas comuns de disfunção erétil

Existem muitas razões diferentes pelas quais um homem pode sofrer de disfunção erétil. Isso significa que ele não será capaz de manter uma ereção para que a atividade sexual ocorra.

Os homens precisam entender que a maioria desses problemas não é algo que eles causaram, mas que podem se beneficiar de vários tipos de tratamento.

No entanto, descobrir a causa subjacente do problema é muito importante. Homens que sofrem de disfunção erétil precisam consultar um médico em vez de tentar se automedicar. Ao adiar os cuidados médicos, você pode permitir que os problemas piorem, quando poderiam ter sido resolvidos muito cedo.

Existem muitas condições médicas diferentes, como diabetes, em que a disfunção erétil é um sintoma. Seu médico pode ajudá-lo a encontrar maneiras de controlar seu diabetes por meio de exercícios, dieta e medicamentos. Como resultado, isso pode ajudar a resolver naturalmente os problemas de disfunção erétil. Se você está tomando medicamentos para qualquer tipo de problema médico, essa pode ser a razão para a disfunção erétil.

Isso não significa que você nunca será capaz de ter uma ereção enquanto tiver esses problemas médicos. Você certamente não quer decidir por si mesmo parar de tomar esses medicamentos. Isso pode ter efeitos adversos em seu estado geral de saúde. Em vez disso, você precisa falar com seu médico sobre isso.

Eles podem precisar ajustar a dose do medicamento que estão tomando. Também é possível mudar para outro tipo de medicamento. Existem vários para cada tipo de preocupação médica lá fora, então você não vai se limitar apenas ao que você usa atualmente. Seja paciente e esteja disposto a experimentar a orientação de seu médico para que possa ter ereções, mas também os medicamentos de que precisa para outros problemas de saúde.

Certos tipos de lesões na área genital podem resultar em disfunção erétil. Se você foi atingido nessa área, você definitivamente precisa informar o seu médico. Pode haver danos internos impedindo que o pênis se encha com o sangue necessário para que a ereção ocorra.

Em muitos casos, vários tipos de danos nos nervos também podem criar disfunção erétil. Isso ocorre porque são enviadas mensagens que dizem às veias próximas aos corpos cavernosos para se abrirem. Se não o fizerem, o fluxo sanguíneo adicional não poderá atingir o pênis. Sem ele, uma ereção não é possível. Não importa o quão fisicamente ou mentalmente estimulado o homem seja.

Seu estilo de vida geral também pode resultar em disfunção erétil. Estudos mostram que homens que fumam, estão acima do peso, não comem uma dieta saudável e que não praticam exercícios têm maior chance de isso ocorrer. Fumar é um fator chave, pois pode fazer com que o sangue não flua como deveria pelas veias e artérias. Também está relacionado com níveis mais baixos de testosterona.

Ao fazer mudanças significativas nessas áreas de sua vida, o problema costuma se curar sozinho. Trabalhe com seu médico para elaborar um plano de dieta e exercícios que você esteja disposto a seguir. Você deseja que isso se torne uma mudança completa de seu estilo de vida, em vez de apenas algo que você faça por um curto período de tempo.

Também é possível que problemas psicológicos possam resultar em disfunção erétil. Alguns homens descartam isso prontamente, mas é factual. Muito estresse pode definitivamente fazer com que isso aconteça. Isso pode criar ainda mais estresse para o homem e assim o ciclo continua. Ansiedade e depressão também são conhecidas por causar a ocorrência de disfunção erétil.

É importante perceber também que a disfunção erétil é muito comum. No entanto, não é o tipo de tópico que a maioria dos homens se senta e discute uns com os outros. Devido a esse fato, um homem pode se sentir isolado e sozinho com tal problema. Tome a iniciativa de procurar atendimento médico para sua disfunção erétil. Dessa forma, o problema pode ser identificado e você pode obter a ajuda necessária para cuidar de tais questões.